Sábado, 5 de dezembro de 2020
informe o texto a ser procurado

Notícias / Clima & Temperatura

Chuvas em todas as regiões do Brasil, granizo e ciclone extratropical no sul

26 Out 2020 - 09:58

Chuvas em todas as regiões do Brasil, granizo e ciclone extratropical no sul

Foto: Ilustração/Internet

Um ciclone extratropical está trazendo muitas chuvas para boa parte do país neste dois primeiros dias da semana. No Sul e Sudeste do país há chance até para queda de granizo. No Centro-Oeste e Nordeste também deve chover bastante.

SUL

Nesta segunda-feira (26/10), destaque para uma nova frente fria associada à um ciclone extratropical, que deverá causar chuva intensa nos três estados da região Sul. Há potencial para volumes elevados, alta atividade elétrica e eventual queda de granizo. Além disso, os ventos serão intensos nestas áreas, com atenção especial para o centro-oeste do Rio Grande do Sul, onde as rajadas podem ultrapassar os 80km/h. Os maiores volumes ocorrem no noroeste do Rio Grande do Sul, oeste de Santa Catarina e sudoeste do Paraná.



Na terça-feira, a frente fria associada ao ciclone extratropical segue provocando chuva entre o norte e leste do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná durante a madrugada e manhã, períodos em que a chuva ainda ocorre com forte intensidade e rajadas de vento moderadas. Destaque para volumes elevados entre a região sul de Santa Catarina. Ao longo do dia a chuva perde intensidade e o tempo firme passa a predominar nestas áreas. Os ventos agora sopram do quadrante sul, o que mantém as manhãs geladas e tarde amenas nos três estados da região.

SUDESTE

A semana começa com destaque mais que especial para a possível formação de um novo ciclone subtropical, que deverá causar chuva intensa, transtornos e volumes elevados na região nordeste de Minas Gerais. Os volumes podem alcançar os três dígitos em alguns pontos, e devido ao solo já encharcado, atenção para os maiores prejuízos que esta chuva intensa pode proporcionar. Além da chuva, destaque para rajadas intensas de vento, que podem alcançar os 100km/h na região. Inclusive este ciclone subtropical poderá se intensificar nos próximos dias e evoluir para “tempestade subtropical” com ventos de até 118km/h. Em São Paulo, a chuva ocorre de maneira mais rápida e pontual, sem expectativa para grandes acumulados.


Na terça-feira, a frente fria associada ao ciclone extratropical que causou chuva intensa na região Sul, agora avança em direção ao Sudeste do Brasil e causará fortes pancadas de chuva entre São Paulo e Minas Gerais, que vêm acompanhadas por trovoadas e rajadas de vento que variam de moderada a forte intensidade. O ciclone subtropical começa a avançar para alto mar, mas ainda consegue manter o tempo instável, onde a chuva ocorre novamente com forte intensidade e muita ventania.

CENTRO-OESTE

Na segunda-feira, destaque para uma nova frente fria associada à um ciclone extratropical em alto mar, que deverá atingir Mato Grosso do Sul, onde há potencial para chuva forte, volumes elevados, alta atividade elétrica e eventual queda de granizo. Além disso, as rajadas de vento variam de moderada à forte intensidade nestas áreas. Entre Mato Grosso e Goiás, a chuva ocorre de maneira mais pontual, apesar de vir acompanhada por raios e ventos moderados. 


A frente fria avança e canaliza um corredor de umidade proveniente da região Amazônica, o que intensifica a chuva entre o Mato Grosso, norte do Mato Grosso do Sul e Goiás nesta terça-feira, onde são esperados fortes temporais, acompanhados por trovoadas e rajadas moderadas de vento. Atenção para o risco até mesmo de eventual queda de granizo em algumas regiões e volumes mais elevados entre Goiânia (GO) e Brasília (DF). Tempo volta a ficar firme no oeste e sul de Mato Grosso do Sul.

NORDESTE

A semana começa com destaque mais que especial para a possível formação de um novo ciclone subtropical que deverá causar chuva intensa, transtornos e volumes elevados na região sul da Bahia. Os volumes podem alcançar os três dígitos em alguns pontos, e devido ao solo já encharcado, atenção para os maiores prejuízos que esta chuva intensa pode proporcionar. Nas demais áreas, instabilidades no alto da atmosfera mantém a condição para pancadas isoladas e passageiras de chuva em praticamente todas as áreas. O destaque fica para o interior da Bahia que deve receber chuva moderada.



O ciclone subtropical começa a avançar para alto mar, mas ainda mantém o tempo instável na Bahia, onde a chuva ocorre novamente com forte intensidade e muita ventania. Áreas de instabilidade no alto da atmosfera combinadas à alta umidade, mantém a condição para chuva forte em todo território baiano, sul de Maranhão e sul do Piauí ao longo do dia, onde os volumes podem ser mais expressivos e a chuva vem acompanhada por trovoadas. Nas demais áreas as precipitações ocorrem de forma mais rápida e isolada.

NORTE

A semana começa ainda com condição para pancadas isoladas de chuva na região Norte do país, que ocorrem preferencialmente no período da tarde e vem acompanhadas por trovoadas. Entre o norte do Pará e Amapá a chuva ocorre de forma rápida e passageira.


 
A chuva persiste nesta terça-feira na forma de pancadas isoladas em toda região Norte do país. Com destaque para o Amazonas, Acre e Rondônia, onde os volumes podem ser mais expressivos incluindo nas duas capitais. Chuva forte e temporais também são esperados para o Tocantins, onde os volumes podem ser elevados. Chuva mais fraca entre o Amapá e norte do Pará.

Canal Rural

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
Sitevip Internet