Sábado, 5 de dezembro de 2020
informe o texto a ser procurado

Notícias / Clima & Temperatura

Previsão do tempo: no fim de semana, chuvas devem persistir em boa parte do país

No Sul, a alta umidade combinada à áreas de instabilidade, mantém a condição para pancadas de chuva entre a Região Metropolitana de Porto Alegre, norte e nordeste do Rio Grande do Sul

20 Nov 2020 - 10:48

Previsão do tempo: no fim de semana, chuvas devem persistir em boa parte do país

Foto: Ilustração/Pixabay

Sul

A alta umidade combinada à áreas de instabilidade que atuam no alto da atmosfera, mantém a condição para pancadas de chuva entre a Região Metropolitana de Porto Alegre, norte e nordeste do Rio Grande do Sul e na faixa leste entre Santa Catarina e Paraná.

A chuva ocorre de maneira rápida e pontual, mas não se descarta o risco para algumas trovoadas. Nas demais áreas o tempo firme segue predominando e o sol aparece entre poucas nuvens. Temperaturas em lenta elevação nos três estados.

Sudeste

A chuva persiste entre boa parte de Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Vale do Paraíba e litoral de São Paulo, mas de forma rápida e pontual. A chuva mais intensa ocorre somente no norte de Minas, mas não há expectativa para volumes extremos. Na capital e interior de São Paulo, e Triângulo Mineiro o tempo firme predomina. Temperaturas em gradativa elevação.

Centro-Oeste

As condições de tempo pouco variam, o corredor de umidade agora atua entre o norte do Mato Grosso e Goiás, mantendo o tempo instável nestas áreas. Já nas demais regiões, incluindo todo território sul mato-grossense, o sol aparece entre poucas nuvens e a sensação de calor retorna no período da tarde.

Nordeste

A frente fria se estaciona na costa da Bahia e canaliza uma nova Zona de Convergência de Umidade, que vem da Região Amazônica e passa pelo Nordeste do Brasil. Além disso, áreas de instabilidade que atuam no alto da atmosfera se aproximam do Nordeste e contribuem ainda mais para chuva.

Esse sistema recebe o nome de Vórtice Ciclônico de Altos Níveis, caracterizado pelo giro dos ventos no sentido horário, que atuam em níveis mais elevados da atmosfera. Neste sábado, atenção para chuva forte entre o Maranhão, Piauí, Bahia e oeste do Pernambuco, onde há risco para temporais. Mas com destaque para o sul da Bahia, onde os volumes serão mais elevados. Nas demais áreas também chove, mas de maneira rápida e pontual.

Norte

A chuva permanece forte no estado do Tocantins, onde não se descarta a chance para volumes mais expressivos e temporais isolados. Nas demais áreas da região Norte, a chuva segue persistindo, preferencialmente no final do dia e de maneira isolada. Tempo firme volta a predominar no sul de Rondônia.

Domingo, 22
Sul

Segue a condição para chuva na serra do Rio Grande do Sul e centro-leste entre Santa Catarina e Paraná, devido à alta umidade combinada à áreas de instabilidade próximas a região. Nas demais áreas do Sul, o sol predomina entre poucas nuvens e não há previsão de chuva. Temperaturas seguem em gradativa elevação.

Sudeste

A combinação entre a disponibilidade de umidade e áreas de instabilidade no alto da atmosfera aumentam a chance de chuva isolada no nordeste paulista, e faixa leste do estado, mas que ocorrem de maneira rápida e isolada, apesar da chance para trovoadas.

Nas demais áreas do estado o tempo firme segue predominando. Entre Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo, estas mesmas áreas de instabilidade mantém a condição para chuva, mas não há expectativa para grandes volumes por enquanto. Temperaturas seguem em elevação.

Centro-Oeste 

No domingo e ao longo dos próximos dias, o padrão de chuva segue o mesmo no Centro-Oeste. A combinação entre o calor e um corredor de umidade segue mantendo o tempo instável entre o norte do Mato Grosso e Goiás, onde a chuva ocorre na forma de temporais isolados. Nas demais áreas da Região, o sol predomina entre poucas nuvens e os níveis de umidade relativa do ar caem durante a tarde.

Nordeste 

A frente fria segue atuando de forma estacionária na costa da Bahia e mantém uma Zona de Convergência de Umidade, que atua desde a região Amazônica até o Nordeste, mantendo o tempo instável no estado, assim como ocorre entre o Maranhão, Piauí e oeste do Pernambuco, onde há previsão de chuva forte. Entre o Ceará, Rio Grande do Norte e Sergipe, o tempo firme volta a predominar.

Norte 

Destaque para chuva forte e mais volumosa prevista para Roraima, leste do Amazonas (incluindo as duas capitais), e oeste do Pará, assim como é esperado para todo o Tocantins. Nas demais áreas, a chuva ocorre de maneira rápida e pontual, sem expectativa para grande volumes por enquanto. Tempo firme persiste no sul de Rondônia.

Somar Meteorologia/ Canal Rural

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
Sitevip Internet