Quinta-feira, 15 de abril de 2021
informe o texto a ser procurado

Notícias / Agronegócio

Complexo soja representa quase 35% de todo o faturamento com as exportações do agro

12 Jan 2021 - 11:18

Complexo soja representa quase 35% de todo o faturamento com as exportações do agro

Foto: Ilustração/Internet

Que a soja tem se destacado ano após ano não só no Brasil, como no mundo, é inquestionável, basta ver quanto a área cresceu em relação a outras culturas. Em 2020, por exemplo, o complexo soja (que envolve farelo, grão e óleo) faturou sozinho 35% de tudo que a exportação agro do país vendeu no ano. Os dados são da Secretaria do Comércio Exterior (Secex).

No ano, o complexo conseguiu superar a marca de 101 milhões de toneladas vendidas ao exterior, faturando US$ 35,2 bilhões. Se colocado em perspectiva, esse total obtido representa 34,9% dos US$ 100,8 bilhões que o agro brasileiro faturou em 2020.

Exportação: preço médio da tonelada de soja em 2020 é o menor em 13 anos

Em 2019 a participação do complexo soja no faturamento das exportações totais do agro ficou em 33,6%. Mas em 2018, o ano dos recordes, a participação do setor foi maior 40,1%.

Farelo

Bom, pelo menos nas exportações de farelo de soja o país bateu o recorde de 2018. Em 2020 o país embarcou ao exterior um total de 16,9 milhões de toneladas de farelo, faturando US$ 5,9 bilhões com isso.

Soja: importação cresce mais de 5 vezes e Brasil fecha 2020 com maior compra em 17 anos

Em 2019 as vendas de farelo ao exterior chegaram a 16,6 milhões de toneladas, com um faturamento de US$ 5,8 bilhões. Já em 2018, o número ficou igual, em torno de 16,6 milhões de toneladas, mas ganhou-se mais pelas vendas que renderam US$ 6,6 bilhões.

Óleo

Em 2020, as vendas de óleo de soja também foram maiores se comparadas a 2019, mas não superaram o recorde, que neste caso é de 2005.

No ano passado, o país exportou 1,1 milhão de toneladas de óleo de soja, faturando US$ 761 milhões por isso. Em 2019 as vendas chegaram a 1 milhão de toneladas, com faturamento de US$ 694 milhões.

Já em 2005, o Brasil exportou 2,6 milhões de toneladas de óleo de soja, e obteve um faturamento de US$ 1,2 bilhão por isso.

Grão

Como já falado antes, o Brasil não bateu o recorde de venda de soja em grão de 2018. Ao todo se exportou 82,9 milhões de toneladas, com um faturamento de US$ 28,5 bilhões. Em 2019 o país vendeu 74 milhões de toneladas e faturou US$ 26 bilhões. Já no ano do recorde, em 2018, o país vendeu 83,2 milhões de toneladas e faturou US$ 33 bilhões.

Vale destacar que a participação dos grãos de soja na quantidade exportada pelo complexo (grãos farelo e óleo) em 2020, ficou em 82,1%, mais elevados que os 80,7% de 2019 e exatamente em linha aos 82,1% de 2018.

Canal Rural

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
Sitevip Internet