Sábado, 15 de agosto de 2020
informe o texto a ser procurado

Notícias / Pecuária

Baixa oferta de animais no mercado aumentam valores do boi gordo nos frigoríficos

Os preços subiram em todos os segmentos no final de agosto.

31 Ago 2017 - 08:01
Atualizada em 31 Ago 2017 - 08:06

Baixa oferta de animais no mercado aumentam valores do boi gordo nos frigoríficos

Foto: Reprodução/Assessoria

A baixa oferta de animais no mercado do boi gordo nos últimos dias tem aumentado os valores ofertados nos frigoríficos. Segundo o Centro de Estudos de Economia Aplicada (Cepea), os preços subiram em todos os segmentos no final de agosto. 

De acordo com o indicador da Cepea, entre os dias 23 e 30 de agosto, o boi gordo na região sudoeste do país, em São Paulo, subiu 3,33% para R$ 143,20 nesta quarta-feira (30). 

Cotação

Ainda no sudoeste, em Minas Gerais, a cotação para o boi gordo nesta quinta-feira (31), é de R$ 125, 59 a arroba na média estadual. No Rio de Janeiro, o boi gordo está sendo comercializado a R$ 123,50 a arroba, na média estadual. 

Na região sul, no Paraná, a cotação para o boi gordo na média estadual é de R$ 127, 55 a arroba. Em Santa Catarina, a comercialização do bovino vivo está a R$ 144, 70 a arroba. 

No Centro-oeste, a alta nas cotações para o boi gordo ainda seguem lentas. Em Mato Grosso, a arroba está sendo comercializada a R$ 115,81 na média estadual. Em Goiás, a cotação está a R$ 122,45 e em Mato Grosso do Sul a R$ 120,76 a arroba na média estadual. 

Da Redação - Vanessa Alves

 
 
Sitevip Internet