Terça-feira, 22 de setembro de 2020
informe o texto a ser procurado

Notícias / Agronegócio

Preços da soja brasileira operam sem direção definida

Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul tiveram média de 10 mil toneladas sendo negociadas ao longo do dia

23 Jan 2020 - 08:29
Atualizada em 23 Jan 2020 - 08:30

Preços da soja brasileira operam sem direção definida

Foto: Ilustração/Internet

Os preços da soja permaneceram sem direção definida no Brasil, nesta quarta-feira (22). O dólar apresentou um recuo significativo e as cotações em Chicago tiveram seu segundo dia seguido de desvalorização. No geral, foram registrados poucos negócios com soja no Brasil. Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul tiveram média de 10 mil toneladas sendo negociadas ao longo do dia. 

Em Passo Fundo (RS), a saca de 60 quilos seguiu em R$ 85 a saca. Na região das Missões, a cotação permaneceu em R$ 83,50. No porto de Rio Grande, o preço estabilizou em R$ 88.

Em Cascavel, no Paraná, o preço caiu de R$ 82 para R$ 81,50 a saca. No porto de Paranaguá (PR), a saca recuou em R$ 88,00 para R$ 87,50. Em Rondonópolis (MT), a saca permaneceu em R$ 78,00. Em Dourados (MS), a cotação estabilizou em R$ 77,50. Em Rio Verde (GO), a saca seguiu em R$ 79.

Chicago 

Os contratos futuros da soja negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam a quarta-feira com preços mais baixos. O mercado carece de notícias positivas. Fundamentalmente, pesaram negativamente a entrada de uma safra cheia no Brasil nas próximas semanas e a demanda menor que o esperado da Ásia pela oleaginosa. Os preços estão nos menores níveis desde 12 de dezembro.

Os contratos da soja em grão com entrega em março fecharam com baixa de 2,25 centavos de dólar, ou 0,24%, em relação ao fechamento anterior, a US$ 9,13 3/4 por bushel. A posição maio teve cotação de US$ 9,27 por bushel, recuo de 2,25 centavos, ou 0,24%. 

Nos subprodutos, a posição março do farelo fechou com baixa de US$ 1,20, ou 0,4%, a US$ 297,90 por tonelada. No óleo, os contratos com vencimento em março fecharam a 33,02 centavos de dólar, alta de 0,27 centavo ou 0,82% na comparação com o fechamento anterior.

Agência Safras

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
Sitevip Internet