Domingo, 31 de maio de 2020
informe o texto a ser procurado

Notícias / Economia

Bolsas da Europa sobem com sinais de desaceleração da pandemia no continente

O índice europeu Stoxx 600 Europe encerrou o dia com ganhos de 1,88%, aos 326,61 pontos, enquanto o DAX, referência da bolsa de Frankfurt registrou alta de 2,79%, aos 10.356,70 pontos.

07 Abr 2020 - 16:50

Bolsas da Europa sobem com sinais de desaceleração da pandemia no continente

Foto: Ilustração/Internet

Com mais uma sessão de ganhos, os índices do bloco já acumulam, em dois dias, alta superior a 5% Os índices acionários na Europa encerraram, nesta terça-feira (7), mais uma sessão com ganhos e já acumulam alta superior a 5% na semana. Os investidores ampliam a demanda por risco à medida que chegam notícias sobre a desaceleração na propagação da pandemia do novo coronavírus no continente.

O índice europeu Stoxx 600 Europe encerrou o dia com ganhos de 1,88%, aos 326,61 pontos, enquanto o DAX, referência da bolsa de Frankfurt registrou alta de 2,79%, aos 10.356,70 pontos. O CAC 40, de Paris, subiu 2,12% a 4.438,27 pontos e o FTSE MIB, de Milão, avançou 2,19%, aos 17.411,72 pontos.

Os ganhos no mercado de ações ocorrem em meio à contínua desaceleração na taxa de crescimento global dos casos de coronavírus, de 6% para 5,8%, de acordo com dados do Deutsche Bank. A taxa de crescimento de casos nos Estados Unidos subiu de 8,2% para 9%, mas, ainda assim, esse é o segundo dia consecutivo de crescimento abaixo de 10% no país.

"O número decrescente de mortes registradas devido à covid-19 sugere que estamos vencendo a luta contra esse vírus horrível. As taxas globais de mortalidade caíram de 13% no início de abril para 7% ontem. É a primeira vez que vemos um número de um dígito desde 14 de março", afirmou Hussein Sayed, estrategista-chefe de mercado da FXTM.

Em Londres, as ações voltaram a fechar o dia em alta, apesar das preocupações com a hospitalização do primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson. O FTSE 100 encerrou a sessão com ganhos de 2,19%, aos 5.704,45 pontos.

A EasyJet avançou 15,10% depois que a transportadora utilizou um programa de ajuda governamental do Reino Unido para obter crédito de curto prazo. A capacidade da empresa de acessar o financiamento sugere que ela poderia suportar a crise econômica, desde que a disseminação do coronavírus continue diminuindo, de acordo com Michael Hewson, analista de mercado da corretora CMC Markets.

"Os mercados estão precificando um retorno à normalidade para as companhias aéreas, mais cedo ou mais tarde", disse Hewson. Esse otimismo também está elevando as ações de hotéis", acrescentou.

As ações de lazer e turismo do Stoxx 600 voltaram a fechar a sessão em forte alta hoje. O setor avançou 8,18%, com destaque para os ganhos de 22,18% da Carnival.

Apesar do noticiário encorajador para ativos de risco, Sayed ainda vê um caminho tortuoso para uma recuperação mais sustentada dos índices acionários. "O caminho a seguir não será tranquilo, especialmente porque os investidores ainda precisam digerir uma montanha de dados econômicos negativos e, possivelmente, muitas falências", escreveu, em nota.

Valor Ecônomico

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
Sitevip Internet