Segunda-feira, 1 de junho de 2020
informe o texto a ser procurado

Notícias / Agronegócio

Demanda da China pela soja do Brasil dá leve sinal de arrefecimento, diz Agrifatto

20 Mai 2020 - 08:08
Atualizada em 20 Mai 2020 - 08:08

Demanda da China pela soja do Brasil dá leve sinal de arrefecimento, diz Agrifatto

Foto: Ilustração/Internet

A estabilização do dólar próximo de R$ 5,75 e o recuo dos vencimentos da soja na Bolsa de Chicago (CBOT) à US$ 8,43 por bushel, pressionou a cotação da oleaginosa no Brasil que voltou ao patamar de R$ 111 por saca nos portos brasileiros. A consultoria Agrifatto afirma que apesar de grande, o apetite chinês já dá leves sinais de arrefecimento, podendo sinalizar uma troca do mercado brasileiro pelo norte-americano.

Nos Estados Unidos, as expectativas continuam de que os chineses voltem fortes às compras da oleaginosa, no entanto, as vendas da soja ainda são tímidas. “O acordo comercial firmado entre os dois países parece estremecer diante das atuais acusações do presidente norte-americano contra o país asiático”, disse a empresa.

Consultoria Agrifatto

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
Sitevip Internet