Imprimir

Imprimir Notícia

20 Mai 2020 - 09:35 | Atualizada: 20 Mai 2020 - 09:36

Milho sobe em Chicago diante de dólar mais fraco

O milho fechou esta terça-feira, 19, com preços mais altos na Bolsa de Chicago. De acordo com a consultoria Safras, o mercado foi sustentado por um movimento de cobertura de posições levando em conta a fraqueza do dólar frente a outras moedas correntes, o que torna as commodities norte-americanas mais competitivas no cenário exportador. “A perda na safrinha brasileira pela falta de chuva também contribui positivamente. Na máxima do dia, a posição julho atingiu o maior nível desde 24 de abril”, diz.

Os contratos de milho com entrega em julho fecharam a US$ 3,21 por bushel, com alta de 0,50 centavo ou 0,15% em relação ao fechamento anterior. A posição setembro fechou a sessão a US$ 3,25 por bushel, ganho de 1,25 centavo ou 0,38%.
 
 Imprimir